Governo de Minas quita dívida de R$ 7 bi com municípios.

Brasil é alvo de ataque novo grupo de ransomware
junho 2, 2022
Bombeiros controlam chamas em carreta carregada de minério em Leopoldina
junho 3, 2022
Exibir tudo

Governo de Minas quita dívida de R$ 7 bi com municípios.

O governador Romeu Zema participou, nesta quinta-feira (2/6), da posse da nova diretoria da Associação Mineira de Municípios (AMM). A entidade que representa os municípios mineiros será presidida nos próximos três anos pelo prefeito de Coronel Fabriciano, Marcos Vinícius da Silva Bizarro. A solenidade, que representou o início dos trabalhos de nova diretoria da Associação, foi marcada pela comemoração da conclusão do pagamento dos repasses constitucionais as prefeituras mineiras, que não foram feitos pela gestão passada.

continua após a publicidade

O governador Romeu Zema  celebrou, durante o seu discurso, o fato de seu governo ter quitado a dívida com os municípios herdadas pela gestão passada. O repasse dos valores referentes ao Fundeb, IPVA e ICMS  é fruto de acordo firmado com AMM no início do seu mandato.

“O Estado está devolvendo aos prefeitos aquilo que foi tirado e que causou tanta dor. Muita gente aqui já teve a oportunidade de quitar o financiamento do carro, da casa própria e sabe o alívio que isso representa. Hoje, vou ter a oportunidade de dormir depois de três anos e meio com menos um peso no ombro. Liquidamos o primeiro parcelamento firmado com a AMM”, celebrou.

Desde o início da gestão, o Governo de Minas trabalhou em conjunto com a AMM e pelas prefeituras. Em abril de 2019, o Estado e a associação firmaram acordo para regularização dos repasses devido.

Na manha desta quinta, o governador anunciou o pagamento das últimas três parcelas restantes do acordo, concluindo a quitação dos R$ 7 bilhões previstos.

Outro acordo firmado com os municípios mineiros refere-se ao repasse atrasados da Saúde. O acordo prevê o pagamento de R$ 6,7 bilhões para as prefeituras. A atual gestão iniciou o pagamento de mais esta dívida feita pelo governo passado.

Já foram pagas as duas primeiras parcelas, totalizando R$ 716 milhões. O restante do valor será quitado em 96 parcelas mensais e consecutivas que começará a ser paga a partir de outubro de 2022.

Posse

Marco Evangelista / Imprensa MG

A nova diretoria da AMM, que é composta por 45 prefeitos de todas as regiões de Minas, assume a maior entidade municipalista do Brasil com o objetivo de fortalecer a representatividade dos municípios mineiros junto ao Estado e à União, buscando promover cada vez mais o desenvolvimento das cidades de Minas.

Zema destacou o trabalho realizado pela gestão do presidente Julvan Lacerda à frente da entidade nos últimos anos e acredita que a nova diretoria continuará atuando para garantir o fortalecimento dos municípios mineiros.

“Fico satisfeito que AMM está tendo uma sucessão tranquila, um processo democrático, em que os prefeitos tiveram a oportunidade de participar. Tenho plena convicção de que o Marcos Vinícius fará uma sucessão à altura do trabalho conduzido pelo Julvan. A AMM, por ser uma entidade muito bem estruturada, vai continuar este trabalho junto aos municípios que ela representa. É a maior associação municipalista do Brasil e acredito que o Marcos Vinícius vai continuar fazendo um ótimo trabalho pelas cidades mineiras”, disse.

continua após a publicidade

O prefeito de Coronel Fabriciano, Marcos Vinícius da Silva Bizarro, e os outros membros da nova diretoria da AMM foram eleitos em abril deste ano, durante processo realizado na sede da entidade. A chapa única “Unidos pelo Municipalismo” obteve 305 votos, dos 310 prefeitos votantes.

“Estou muito feliz em chegar neste posto, fruto de um trabalho que começou em 2017,  assim que assumi a Prefeitura de Coronel Fabriciano. Desde aquela época, vi a necessidade do associativismo. Vim do Rio Grande do Sul, onde é comum o cooperativismo, e, até 2018, os prefeitos mineiros não tinham familiaridade com a proposta – que agora entendem e fazem parte. Engajei-me na AMM, como vice-presidente, e participei do feito histórico de ver entidade passar de pouco mais de 400 municípios para 780 afiliados”, comemorou o novo presidente da AMM.

A solenidade de posse da diretoria da AMM marca o encerramento do 37º Congresso Mineiro de Municípios. Trata-se do maior evento municipalista do Brasil, que reuniu, nos últimos dias, gestores municipais das cidades mineiras.

Marco Evangelista / Imprensa MG

Também participaram da cerimônia o presidente do Congresso Nacional, o senador Rodrigo Pacheco, o procurador-geral do Ministério Publico de Minas Gerais, Jarbas Soares, deputados federais, deputados estaduais, secretários de Estado, prefeitos, vereadores e secretários municipais.

Homenagem

Durante a solenidade de posse, o governador Romeu Zema recebeu das mãos do até então presidente da AMM, Julvan Lacerda, a Comenda Especial do Mérito Municipalista. É a maior homenagem dada pelos prefeitos mineiros para personalidades que se destacaram durante o último ano no trabalho de promoção do desenvolvimento dos municípios e dos cidadãos do estado.

Fonte : Agência Minas

Kadu Fontana
Kadu Fontana
Jornalista registrado no MTE desde 2014 , radialista, e proprietário do Portal RKF. www.instagram.com/kadufontana/

1 Comment

  1. Carlos disse:

    Kita dívida mais em 96 parcelas, propaganda kkkkklk enganosa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!