Homem deixa mensagem bíblica,mata dois e tira sua própria vida em Astolfo Dutra.

Operário vence e lidera a 1ª Copa Zona da Mata Sub-18 de Futebol Amador.
agosto 16, 2021
Castramóvel irá esterilizar cerca de 240 cães e gatos em Rio Novo MG.
agosto 17, 2021
Exibir tudo

Homem deixa mensagem bíblica,mata dois e tira sua própria vida em Astolfo Dutra.

Um homem de 34 anos de idade, identificado como sendo Paulo César Barroso, foi encontrado morto com uma pistola caída ao seu lado, na manhã desta terça-feira, 17 de agosto, em rua do Bairro Monte Cristo, em Astolfo Dutra. Horas antes, por volta das 23h40min ele matou a tiros o ex-cunhado, Matheus de Souza Faria, de 22 anos, que estava dentro de casa.

Também nesta manhã, a Polícia Militar encontrou o corpo de José Pinto da Silva, também alvejado com um disparo de arma de fogo. A PM afirma que os dois crimes foram cometidos pela mesma pessoa que deixou a mesma mensagem bíblica nos dois homicídios.

continua após a publicidade

Conforme o registro policial, Paulo César, também conhecido como Paulinho “Pão Doce”, invadiu a casa de Matheus e efetuou três disparos com uma pistola calibre 380 contra o ex-cunhado a quem já havia jurado de morte. De acordo com o depoimento da irmã da vítima à PM, que viveu sete anos com Paulinho, período em que foi agredida fisicamente e ameaçada de morte por ele, bem como o seu irmão Matheus que a teria defendido em uma dessas agressões.

Após atingir o ex-cunhado, Paulinho fugiu em uma motocicleta XRE vermelha.

Pistola encontrada ao lado do corpo de Paulinho

Na manhã de hoje, a Polícia Militar foi novamente acionada para atender outro homicídio. Desta vez a vítima foi José Pinto da Silva, idade ainda não revelada, que foi encontrado caído ao chão do quarto de sua residência – que fica próximo ao cemitério – com sinais de violência no corpo e as pernas amarradas. Segundo a PM, ele seria o atual namorado da ex-companheira de Paulinho.

Na parede do quarto de José, estava escrita a seguinte mensagem bíblica: “Jo 38.11”, que é do livro de Jó onde se lê: “E eu lhe disse: ‘Você chegará até este ponto e daqui não passará. As suas altas ondas pararão aqui.’” A PM afirmou tratar-se do mesmo autor porque na casa de Matheus ele também teria deixado esta mesma mensagem.

Nesta manhã de terça-feira, 17, o corpo de Paulinho foi encontrado caído e sem vida em uma rua no Bairro Monte Cristo, com um disparo de arma de fogo na cabeça. A pistola que ele teria usado também foi encontrada ao lado de seu corpo e apreendida pela Polícia Militar. Um morador da rua foi ver o corpo caído na rua e infartou no local, sendo socorrido em estado grave pela equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. Não há informações atualizadas sobre o seu estado de saúde.

A Perícia Técnica da Polícia Civil, após realizar seu trabalho, liberou os dois corpos para o serviço funerário. O corpo de José Pinto, ainda aguarda ser periciado. O caso será encaminhado para a Polícia Civil. A ocorrência segue em andamento.

Fotos: Polícia Militar – Divulgação

Fonte ; SITE DO MARCELO LOPES

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!