Polícia Civil investiga agressão de adolescente dentro de escola de Guarani.

Reviravolta: vereadora se mobiliza e consegue microchipagem para animais de SJN
março 16, 2022
Municípios da região firmam pacto para não realização de exposições agropecuárias.
março 17, 2022
Exibir tudo

Polícia Civil investiga agressão de adolescente dentro de escola de Guarani.

A Polícia Civil investiga um caso de agressão a um aluno de 16 anos dentro de uma escola estadual na cidade de Guarani MG ( 32 km de São João Nepomuceno).De acordo com o Boletim de Ocorrência da PM, as agressões teriam ocorrido por volta de 07 horas da manhã desta quarta-feira 16 de março. O aluno teria entrado na sala de aula e notado que sua carteira onde ele assenta, não estava no local. Ele foi até outro ponto da sala buscar outra carteira para poder colocar seu material.

continua após a publicidade

Neste instante uma aluna parece não ter gostado da atitude , pois seria a certeira a que ela costumeiramente usa nesta sala de aula. Irritada, ele agrediu o colega com tapas e socos. Um vídeo que circula pelas redes sociais mostra a garota arrastando a carteira pela sala e realizando a agressão.

Os colegas gravaram o vídeo e alguns tentaram evitar as agressões. Os pais do aluno procuraram a secretaria da escola onde foram orientados que procurassem a polícia para registrar um boletim de ocorrência. Uma funcionária da escola disse que o educandário por enquanto não irá se pronunciar sobre este caso.

A mãe do adolescente afirmou aos policiais que ele sofre bullying e é vítima de agressões verbais na escola por ter déficit de atenção (TDH). Ele começou a estudar nessa escola no início do ano, e ela relatou que nos colégios anteriores o menino também foi agredido.

Nota SEE

 

“A Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) informa que a equipe de inspeção escolar da Superintendência Regional de Ensino (SRE) Ubá vai apurar o fato junto à EE José Alvares Filho e analisar quais serão as medidas cabíveis às agressões. O caso também está sendo acompanhado pelo Colegiado Escolar. A situação ocorreu dentro da sala de aula em momento que antecedeu às atividades e quando não havia professor no ambiente”.

A Polícia Civil apura caso.

As informações são do MG2

Kadu Fontana
Kadu Fontana
Jornalista registrado no MTE desde 2014 , radialista, e proprietário do Portal RKF. www.instagram.com/kadufontana/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!