Curso profissionalizante de jardinagem e paisagismo do IEF em SJN abre nova turma

Jovem é morto em Guarani MG com tiros na cabeça.
fevereiro 21, 2022
Onça-parda ataca novamente e mata 20 galinhas em Leopoldina
fevereiro 21, 2022
Exibir tudo

Curso profissionalizante de jardinagem e paisagismo do IEF em SJN abre nova turma

Incentivar a conscientização ambiental por meio do ensino profissionalizante de jardinagem, paisagismo e do contato direto com a natureza é a proposta do projeto Horto Jovem, que chega à terceira turma em fevereiro. A iniciativa, promovida pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF) em parceria com a prefeitura de São João Nepomuceno, na Zona da Mata, já levou educação ambiental e cultura sustentável a cerca de 70 estudantes das redes pública e particular de ensino do município.Os encontros do Projeto Horto Jovem são realizados duas vezes por semana no viveiro de mudas mantido pelo IEF na cidade, com atividades realizadas também em praças públicas. Nesta terceira edição, o projeto conta com 23 alunos do ensino fundamental das escolas estaduais Gabriel Arcanjo de Mendonça e Oswaldo Cruz e das escolas municipais Dr. Augusto Glória e Três Maria, além do Colégio Apoio.

continua após a publicidade

Ao serem apresentados ao programa, os jovens recebem também uma apostila com informações sobre produção de mudas e jardinagem, uma mochila confeccionada com material reciclável, luvas, protetor solar e um avental para as atividades em campo ministradas por técnicos do IEF.
“Além de ensinar sobre produção de mudas, jardinagem e plantio de árvores, trabalhamos também a educação ambiental de forma mais ampla, com ações relacionadas à reciclagem, reuso de materiais e coleta seletiva. Este ano, iniciamos também uma atividade de reciclagem para os alunos desenvolverem em suas casas e comunidades”, explica a analista ambiental do IEF, Vanda Leite, uma das responsáveis pelo projeto.

Preservação ambiental

Alice Rodrigues é aluna do nono ano na Escola Estadual Prof. Gabriel Arcanjo Mendonça e participa da terceira edição do projeto Horto Jovem. Para a jovem de 14 anos, o contato com a natureza ajuda a entender melhor a importância da preservação ambiental. “Nunca tinha tido contato com jardinagem e paisagismo e estou achando tudo muito interessante. Cuidar da natureza é uma das coisas mais importantes pois nela estão os recursos naturais necessários para a nossa sobrevivência”, conta a estudante.

Para o prefeito de São João Nepomuceno, Ernandes José da Silva, a parceria entre o IEF e o município desperta entre os alunos participantes não apenas a consciência ambiental, mas o cuidado com o patrimônio público e a cidadania. “A intenção é aprimorarmos a parceria com o viveiro do IEF e com o tempo produzirmos mudas para o paisagismo do município”, disse.

 

continua após a publicidade

Histórico

Criado em 2020, o projeto Horto Jovem utiliza a educação ambiental como ferramenta de integração à natureza e promoção da cidadania. Em dois anos de atuação, o projeto já ministrou turmas gratuitas de jardinagem e paisagismo junto a cinco escolas públicas e particulares do município de São João Nepomuceno.

Os alunos participantes são selecionados a partir do projeto “Ação Jovem”, promovido pela prefeitura do município, que tem como objetivo oferecer formação profissionalizante aos jovens da região para, em seguida, encaminhá-los ao mercado de trabalho.

Nas ações, o projeto Horto Jovem busca despertar nos alunos a consciência ambiental, o cuidado com o espaço público e a socialização a partir de atividades pedagógicas capazes de aproximar os jovens da questão ambiental e, também, formando agentes multiplicadores de conceitos ligados à sustentabilidade junto à comunidade.

Fonte : Agência Minas

Kadu Fontana
Kadu Fontana
Jornalista registrado no MTE desde 2014 , radialista, e proprietário do Portal RKF. www.instagram.com/kadufontana/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: O conteúdo está protegido !!