Advogado e irmãos são investigados por fraudes contra aposentados em Teixeiras.

Campanha de combate ao câncer de próstata em SJN continua ate 15/12.
dezembro 2, 2021
PCMG apreende quase 3.000 maços de cigarros contrabandeados em Cataguases
dezembro 2, 2021
Exibir tudo

Advogado e irmãos são investigados por fraudes contra aposentados em Teixeiras.

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) deflagrou, na quarta-feira (1/12), a operação “Independência”, no município de Teixeiras, ( 12 km de Viçosa) na Zona da Mata mineira, de  cerca de 12 mil habitantes, visando apurar fraudes supostamente aplicadas em aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Na ocasião, foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão em três residências e em um escritório de advocacia, onde documentos foram apreendidos.

Conforme informações do delegado José Marcelo de Paula Loureiro, as investigações estão em curso desde o ano de 2019 e apuram denúncias que estão presentes em sete inquéritos, envolvendo a participação de três suspeitos na prática criminosa, entre eles, um advogado e os seus dois irmãos, indivíduos que atendiam em um escritório de advocacia na cidade de Teixeiras.

continua após a publicidade

Segundo a autoridade policial, apurações indicam que as vítimas procuravam auxílio no local, com o intuito de requerer o pedido de aposentaria. “Quando a pessoa conseguia obter o recurso, levantamentos apontam que eles mantinham o cartão da vitima e recebiam pela pessoa. Há históricos de valores que não foram repassados às vítimas, inclusive de empréstimos que foram contraídos”, explica, ressaltando que as apurações seguem em andamento.

A ação contou com o apoio da Polícia Militar, além da participação de policiais civis de Teixeiras, mas também da Delegacia Regional de Polícia Civil em Viçosa.

Reportagem Kadu Fontana com informações da PCMG

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido !!