Comitê Covid decide e Cataguases regride à Onda Vermelha do Minas Consciente.

Alinhamento entre Júpiter e Saturno poderá ser visto a olho nu na noite desta segunda.
dezembro 21, 2020
SJN: mais 24 casos de covid e acumulado de dezembro já supera total do mês de novembro.
dezembro 22, 2020
Exibir tudo

Comitê Covid decide e Cataguases regride à Onda Vermelha do Minas Consciente.

O Comitê Covid de Cataguases decidiu na manhã desta segunda-feira, 21 de dezembro, regredir o município para a Onda Vermelha do Programa Minas Consciente. O motivo, conforme salienta a Ata daquela reunião, é a “situação epidemiológica preocupante do município na presente data.” E reforça que “todas as medidas e protocolos do Programa Minas Consciente referente à Onda Vermelha deverão ser observadas.” A regressão de onda também aconteceu na macrorregião em que Cataguases está inserida. Um decreto municipal com as novas determinações será publicado ainda nesta segunda-feira.

Além dessa decisão, o Comitê também solicitou ao Ministério Público sejam “tomadas medidas em toda a microrregião de Cataguases tendo em vista que toda a população da micro é atendida pelo Hospital de Cataguases e não se torna efetivo que somente a cidade de Cataguases retorne para a Onda Vermelha sem exigir fiscalização e regressão real e concreta em toda a micro.” Para aquele Comitê, “somente com tal medida em conjunto é que se conseguirá reduzir o número de infectados e hospitalizados evitando-se dessa forma o colapso do sistema de saúde da micro.” O Comitê embasa seu pedido afirmando receber “cotidianamente” informações que estabelecimentos das cidades vizinhas estão lotados, sem nenhum uso de máscara, e que não há o mínimo de fiscalização. Por fim pede ao MPMG que oriente a Polícia Militar a intensificar a fiscalização.

continua após a publicidade

As novas restrições definidas em função da Onda Vermelha solicita aos templos religiosos redobrar a “atenção com o uso obrigatório de máscaras, álcool 70%, distanciamento, bem como todos os protocolos de segurança para enfrentamento do Covid-19, devendo obrigatoriamente ser respeitado o limite permitido de pessoas (30% dos assentos conforme Decreto 5.202-R/2020)” no interior de cada recinto. Idosos e pessoas do grupo de risco devem evitar frequenta presencialmente cerimônias religiosas. A Feira de Artesanato, excepcionalmente, por estar dentro do serviço de ambulantes, poderá funcionar nos dias 22, 23, e 24 de dezembro somente na Praça Santa Rita, até às 21h, devendo as barracas respeitar a distanciamento mínimo de 2 metros lateralmente e 3 metros frontalmente. 

Ainda conforme definiu aquele Comitê continua proibido todo e qualquer brinquedo, entretenimento e afins nos espaços públicos. Também vão deixar de funcionar a partir de agora auto escola, salão de beleza, delivery de estética, barbearia, imobiliária, agencia de viagem, academia, cursos extracurriculares, brinquedos e jogos eletrônicos. Os bares, restaurantes e lanchonetes deverão reduzir o atendimento presencial até as 22h (depois somente por delivery), reforçando o distanciamento entre as mesas, que deverão ter no máximo 6 pessoas cada; o consumo será feito somente sentado, sem qualquer tipo de música (ao vivo, voz, violão, mecânica, karaokê ou qualquer outra forma de reprodução) e entretenimentos.  

Fonte : Site do Marcelo Lopes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *